Liberalização ou regulamentação: por trás da crise do leite, que atinge hoje o paroxismo com a greve das entregas, esconde-se um dilema difícil de resolver nos países europeus. Um velho debate, caro ao mundo agrícola, que gostaria de recuperar o termo "regulamentação", no momento em que ele é incessantemente invocado sempre que se fala de finanças. E sempre com o mesmo argumento, que não consegue a unanimidade entre os Estados-membros, mas que é defendido pela França: a alimentação não é uma mercadoria como as outras. Por conseguinte, a agricultura é um sector especial.

Numa altura em que os preços caem a pique e que, por toda a Europa, viver do leite se torna difícil, é necessário pôr um travão à desregulamentação em curso? Leia o resto do artigo...