Apoie o jornalismo europeu independente e de acesso livre – faça um donativo ao VoxEurop

Bulgária: O Hezbollah e a UE

O Hezbollah e a UE – Hassan Bleibel
Al-Mustaqbal (Beirute)

No autocarro: “Atentado à bomba contra um autocarro na Bulgária. Julho de 2012”

O Governo búlgaro coloca em xeque a ala militante do movimento xiita libanês Hezbollah num atentado suicida no aeroporto de Burgas (Este) que registou seis vítimas – cinco turistas israelitas e um condutor de autocarro, além do kamikaze – a 18 de julho de 2012.

O anúncio gerou uma polémica na Bulgária, uma parte da imprensa e da oposição consideram que as provas da implicação do Hezbollah não são claras e acusam o Governo búlgaro de ter sido pressionado pelos Estados Unidos e Israel. O Hezbollah rejeitou as acusações.

Por seu lado, a União Europeia anunciou que iria estudar a possibilidade de adicionar o Hezbollah à sua lista das organizações terroristas.