Cover

Centenas de pessoas manifestaram-se nas ruas de Madrid e de outras cidades de Espanha, no dia 24 de Abril, para apoiarem o juiz Baltasar Garzón, noticia El Mundo. Garzón está a ser julgado por alegado abuso de poder durante a investigação de crimes durante a era de Franco, coisa que os apoiantes do juiz consideram “sujar” a memória das vítimas do ditador espanhol. As manifestações coincidiram com o pedido de Garzón para que o processo seja retirado a Luciano Varela, o juiz encarregue do seu caso, por este ter “um interesse indirecto” no julgamento. Alegou que Varela corrigiu as acusações do sindicato de direita Manos Limpias e do partido fascista Falange que conduziram ao processo agora em curso. O jornal conservador El Mundo considera as acusações de Garzón como uma “campanha de difamação”, e defende que “devia ser totalmente rejeitada por fraudulenta”, levada a cabo simplesmente “para ganhar tempo e arrastar o julgamento para evitar a sua (de Garzón) suspensão”. A decisão do Supremo Tribunal será conhecida dentro de dias.