Cover

O assunto faz manchete em toda a imprensa britânica. "As tão aguardadas memórias de Tony Blair finalmente publicadas", constata The Independent, que adianta na primeira página os diferentes pontos abordados pelo antigo primeiro-ministro no seu livro de memórias intitulado A Journey (Uma Viagem): "cólera" em relação ao seu sucessor e adversário Gordon Brown, "desgosto" pela morte dos soldados britânicos no Iraque e no Afeganistão e "sentimento de culpa" pelo "pesadelo" iraquiano. Mas, para o diário londrino, "este livro de memórias é sobretudo um longo recado à equipa sobre as decisões e o pensamento do chefe".