Cover

A criação de uma zona livre comércio transatlântica forneceria aos Estados Unidos e à Europa benefícios consideráveis, argumenta o chefe de redação do diário, Gabor Steingart.

O autor demonstra que uma associação de Estados fundada sobre os ideais e interesses comuns e que vive do comércio livre não rompe o desenvolvimento dos dois continentes, antes o consolida. “Além do mais, isso enviaria um sinal aos países onde ainda prevalece um capitalismo de Estado, como a China”, escreve Steingart.