Cover

Hakim Benladghem foi abatido pelas forças especiais belgas a 26 de março, na autoestrada Lille-Bruxelas. Seguido pelos serviços secretos belgas e franceses desde 2008, planeava, segundo a polícia, cometer uma série de atentados, sobretudo em Bruxelas.

Aos 39 anos, este cidadão francês de origem argelina, foi comando em França. Vivia na Bélgica desde 2008, ano em que se radicalizou. Tentou, por várias vezes, entrar em Israel para ir combater em Gaza.

Em sua casa foi encontrado um importante arsenal de armas. A justiça francesa suspeitava que Benladghem pertencia a um grupo criminoso ligado ao terrorismo, mas até agora não foi estabelecida nenhuma filiação clara.