Cover

O primeiro-ministro espanhol pede uma “mudança radical” das políticas de austeridade da UE e uma intervenção do Banco Central Europeu para aliviar os países como a Espanha e Portugal, que seguem a política imposta pela UE.

Mariano Rajoy quer que o BCE injete dinheiro na economia, seguindo o exemplo da Reserva Federal americana ou do Banco Central do Japão. Esta declaração surge após o primeiro-ministro alemão das Finanças, Wolgang Schäuble, ter considerado esta medida como “inadequada”.

O diário apela a uma “revolução monetária” e estima que uma intervenção do BCE permitiria também melhorar a competitividade do euro.