Cover

A luta contra a evasão fiscal está na ordem do dia da reunião dos ministros das Finanças dos Vinte e Sete, nos dias 12 e 13 de abril, em Dublin.

A decisão do Luxemburgo, de aceitar a troca automática de informações a partir de 1 de janeiro de 2015, o anúncio da Áustria de que vai abandonar o segredo bancário e a iniciativa de cinco ministros europeus pressionam cada vez mais quem ainda hesita em suavizar o segredo bancário, escreve o diário.

Sobre este assunto, Le Temps escreve que

a Suíça dificilmente resistirá a esta vaga de fundo. Especialmente porque, como diz o Luxemburgo a seu próprio respeito, não poderá “recusar aos europeus” o que “aceitou com os americanos”, através do acordo FATCA de que o Conselho Federal adotou ontem o projeto de lei.