Cover

Segundo um relatório do Colégio de Conservadores de Hipotecas sobre os efeitos do não pagamento de empréstimos imobiliários pelas famílias espanholas, os bancos do país abriram 65 mil processos de execução hipotecária, em 2012, dos quais 39 mil terminaram com a perda da casa.

Num terço dos casos (14 200), foi negociada, entre o banco e o credor insolvente, uma dação em pagamento, o sistema que permite às famílias não terem de continuar a pagar o empréstimo depois de perderem a casa.