Cover

O Partido Democrático (PD) está a preparar uma lei que limita o financiamento público aos partidos e exclui as organizações não convencionais, como o Movimento 5 Estrelas, de Beppe Grillo (M5S). Grillo reagiu com irritação à proposta e apelou a um boicote ao próximo ato eleitoral, no caso da lei ser aprovada.

Grillo apelou, igualmente, aos dissidentes do PD que apoiem uma moção, que será votada na terça-feira, que impedirá o líder do Partido do Povo da Liberdade (PDL), Silvio Berlusconi, de se candidatar, com base no facto de ele ser dono de um canal de televisão. Se esta moção for aprovada, poderá resultar na queda da coligação governamental entre o PD e o PDL.

Segundo o Corriere della Sera, o Governo de Enrico Letta poderá vir a ter uma vida ainda mais curta do que o que se previa e, nesse caso, terão de ser marcadas novas eleições assim que os partidos chegarem a acordo sobre a nova lei eleitoral.