Cover

O diário turco de grande tiragem cita o Presidente da República, Abdullah Gül, na primeira página. Perante o primeiro-ministro Erdogan, que afirma poder fazer aquilo que quiser porque dispõe de uma maioria confortável no Parlamento, o Chefe de Estado, tido como mais moderado, lembra que “para lá das eleições, há outros meios de exprimir opiniões diferentes e criticar, por exemplo, através de manifestações de caráter pacífico”.

Gül acrescenta que “a mensagem [dos manifestantes] foi bem entendida”. O Posta cita, também na primeira página, a reação de Erdogan, que, em Marrocos, onde está em visita oficial, declarou que “não vê de que mensagem se trata”, fazendo assim pensar que há divergências no seio do AKP em relação aos últimos acontecimentos em Istambul.