Cover

"Meio escudo para Berlusconi", é o título do La Repubblica, no dia seguinte à rejeição parcial pelo Tribunal Constitucional da lei sobre "impedimento legítimo", desejada pelo primeiro-ministro italiano para evitar os processos por corrupção em que está envolvido. O diário romano explica que, segundo o tribunal, o chefe do Governo, que apelidou os seus membros de "esquerdistas", não pode "autocertificar" a sua impossibilidade de participar nas audiências no tribunal, e que compete ao juiz avaliar tais impedimentos. “A decisão do Tribunal não deverá alterar o resultado dos processos em curso, todos prestes a prescrever”, acrescenta o turinês La Stampa, "nem modificar o clima de incerteza que paralisa, há meses, o Governo e o Parlamento".