Cover

“O preço do euro caiu para 1,18 dólares, o nível mais baixo desde 2006,” informa o Le Monde, depois de as bolsas europeias terem caído em força no dia 4 de janeiro. Um fenómeno que ocorre em paralelo à queda do preço do petróleo para 50 dólares por barril, “um contrachoque que incentivará o crescimento na Europa”, realça o jornal. Segundo o Le Monde, há três fatores que explicam a queda da moeda única:

As preocupações relativamente à Grécia, provocadas pelas declarações de Angela Merkel sobre uma possível saída do país da zona euro; a desaceleração constante dos preços na zona euro, que faz recear a aproximação de um cenário de deflação; e, por último, a especulação sobre a possibilidade da compra massiva de ativos, incluindo as dívidas dos Estados, por parte do Banco Central Europeu.