Cover

"A Europa teme pela Itália", titula o Financial Times Deutschland, no dia em que dirigentes económicos da zona euro se reúnem de urgência em Bruxelas. Desde o último fim de semana que a Itália passou a ser o alvo dos mercados, com os juros a que se financia no mercado da dívida a atingir níveis recorde. Segundo um alto diplomata, citado pelo diário de Hamburgo, o comissário europeu, Olli Rehn, está "extremamente preocupado com o desenrolar da situação em Itália" e exige "finalmente uma solução global para não ter de continuar a ocupar-se de um país a seguir ao outro, individualmente".Segundo o diário berlinense Die Welt, Banco Central Europeu propõe um alargamento do mecanismo de salvação europeu para 1,5 biliões de euros. Num editorial, o FTD comenta que mais uma vez se exige uma solução rápida. "Até agora, a estratégia de resgate visava acalmar os receios em relação aos pequenos Estados europeus para se evitar outro choque. Mas uma falência da Itália revelaria que isso não passou de pó para os olhos".