Cover

“Jean-Claude Trichet pede um Ministério das Finanças europeu para proteger o euro, destaca El Mundo, e “defende uma confederação que aplique uma políticafiscal comum a longo prazo.” A 10 de julho, numa reunião económica em Aix-en-Provence, o presidente do Banco Central Europeu, apelou a uma política fiscal comumcom “ministro e Ministério Federal”. “As dificuldades da organização do segundo plano de resgate à Grécia continuam a colocar preto no branco a urgência de reforçara governação económica da UE”, considera El Mundo. “A crise da Europa resolve-se com mais Europa”, refere o diário, pelo que a proposta de Trichet “deve ser ouvida”, pois permitiria unificar a dívida pública dos 27 Estados-membros ecolocar “um ponto final” nos ataques especulativos contra as economias mais fracas da zona euro.