Madeira acena com a independência

Publicado em 18 Dezembro 2009 às 13:42
Público, 18.12.2009

Cover

Como é seu hábito, Alberto João Jardim não tem papas na língua: “Se desta vez voltarem a negar os meios financeiros a que temos direito, temos que pensar noutros caminhos”. OPúblicoexplica que o tonitruante presidente do Governo regional da Madeira ameaça com a secessão de Lisboa não o autorizar a ultrapassar os limites impostos pela lei ao endividamento das regiões. Alberto João Jardim, que governa o arquipélago desde 1978, deseja dar continuidade ao seu plano de infra-estruturas, que diz poderem ser rentabilizadas a partir de 2011, data em que prometeu – pela enésima vez – deixar o poder. Se não proclama já a independência, é apenas porque, afirma, “neste momento não há condições“. Mas reserva-se o direito de mudar de opinião.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico