“O dilema de Orbán com Merkel”

Publicado em 22 Maio 2013 às 10:04

Cover

No seu encontro com a chanceler alemã, no Conselho Europeu de 22 de maio, “o primeiro-ministro húngaro vai certamente vivenciar momentos de tensão”, estima o Népzsabadság.
Será que este vai pedir desculpa por ter afirmado que “os alemães já lançaram a cavalaria, sob a forma de tanques. Pedimos que não voltem a fazê-lo. Não era uma boa ideia na altura, nem tão pouco funcionou”?, interroga-se o diário.
Foi assim que Orbán reagiu às declarações de Angela Merkel relativamente à falta de Estado de direito e de democracia na Hungria – “Daremos o nosso melhor para voltar a colocá-la no bom caminho, sem no entanto enviar a cavalaria”. As fontes diplomáticas citadas pelo Népzsabadság consideram que Orbán “só deverá pedir desculpa se a chanceler alemã o pedir”.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico