Ofensiva contra os imigrantes ilegais

Publicado em 6 Agosto 2012 às 12:36

Cover

As autoridades gregas batizaram a operação de Zeus Xenios, (Zeus, protetor dos hospedes). Para o Ta Nea, trata-se de uma “operação de limpeza permanente da imigração ilegal”. A 4 de agosto, mais de 4500 polícias foram mobilizados no centro de Atenas e Evros, na fronteira com a Turquia, um dos principais pontos de entrada da imigração clandestina na Europa. “4900 imigrantes foram interpelados, dos quais 1130 foram colocados num centro de detenção”, adianta o diário, que precisa que o objetivo da operação, que se deverá repetir, é

intercetar os imigrantes clandestinos e organizar vários repatriamentos. Segundo as estimativas do Ministério da Proteção do Cidadão, 5 mil desses imigrantes deverão ser colocados em centros de acolhimento até dezembro. […] O Ministério pretende com isto mostrar que os sem-papéis não são bem-vindos e que não devem regressar. […] A reação dos cidadãos é mitigada. Uns consideram que é demasiado tarde e que o centro de Atenas se tornou um gueto, outros que deveria haver uma verdadeira política de imigração em vez de grandes operações efémeras.

Foi organizado um primeiro charter de expulsão para o Paquistão, financiado pelo Fundo Europeu de Regresso. E o Governo grego anunciou que iria triplicar o número de guardas da fronteira de Evros, receando um fluxo de refugiados sírios.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico