Crise da dívida

Otimismo cauteloso em Dublin

Publicado em 21 Junho 2011 às 09:58

Cover

"UE lança esperança com ajuste das regras da ajuda financeira", afirma o Irish Independent, que refere a atitude um pouco mais otimista do Governo irlandês após as recentes reformas da UE. A chamada barreira de segurança, criada pela UE para proteger a Irlanda e Portugal da crise da dívida grega, poderá levar os investidores a recomeçar a dar crédito à Irlanda dentro de dois anos. Fontes governamentais disseram ao Independent que a Irlanda e a França redobraram as negociações de bastidores sobre a redução dos juros da ajuda ao país. Os ajustes ao Mecanismo Europeu de Estabilização, que irá substituir o Fundo Europeu de Estabilidade Financeira, em 2013, devem, de acordo com o ministro das Finanças, Michael Noonan, ajudar a Irlanda a retomar os mercados. Boas notícias, afirma o editorial do Independent. "O caminho será longo e espera-se mais sofrimento. Mas, pelo menos, há o reconhecimento de que nos estamos a esforçar ao máximo".

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico