Requiem para Nabucco

Publicado em 4 Dezembro 2012 às 15:06

A mais ambiciosa tentativa da União Europeia de assegurar um acesso independente à fonte crucial que é o gás natural corre o risco de ter um final dramático. Ao ponto de, para o Süddeutsche Zeitung, ter chegado a hora de escrever “uma necrologia para Nabucco”, o projeto do gasoduto que deverá ligar os poços do Mar Cáspio à Europa através da Turquia.

Colocado em causa pelo avanço do concorrente russo South Stream - a falta de investimentos e de acordos com determinados países fornecedores -, este projeto de 15 mil milhões de euros poderá receber o golpe de misericórdia após a publicação pelo semanário Focus da informação segundo a qual o grupo alemão RWE, principal investidor no projeto, tenciona afastar-se até ao final do ano. O austríaco OWE poderá comprar a sua parte (16,67%).

Para o Süddeutsche Zeitung,

este fiasco mostra uma vez mais como a Europa não consegue responder ao domínio russo no setor das matérias primárias. Há já muito tempo que o gasoduto é visto como um exemplo de uma política industrial e energética europeia falhada. Uma vez que é alvo de muito debates, mas dispõe de poucos meios financeiros ou apoio político concreto.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico