República Checa

A corrupção fragiliza o Governo

Publicado em 22 Dezembro 2010 às 11:50

Cover

O Governo sobreviveu à primeira crise, mas a coligação está dividida”, constata o Hospodářské noviny. A 21 de dezembro, os deputados checos rejeitaram uma moção de censura apresentada pela oposição contra o Governo de Petr Nečas, cformado no fim de junho de 2010. O Executivo ficou fragilizado com a demissão do ministro do Ambiente, Pavel Drobil, envolvido num escândalo de corrupção. O diário explica que o ODS, o partido de Nečas, e o seu aliado, o partido Assuntos Públicos, que construiu o seu sucesso com o apelo à luta contra a corrupção, “deixaram de confiar um no outro”. Mas, reconciliados pelo Presidente da República, Václav Klaus, os partidos da coligação, que inclui também o partido TOP 09, rejeitaram a moção e “chegaram mesmo a acordo sobre a preparação de uma estratégia anticorrupção”, diz o Hospodářské Noviny.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico