Revista 22, 10 Fevereiro 2010

Acabou o namoro entre Bruxelas e Kiev

Publicado em 10 Fevereiro 2010 às 13:29
Revista 22, 10 Fevereiro 2010

Cover

O Ocidente olha, agora, para a Ucrânia com indiferença”, escreve a Revista 22, um dia depois das eleições presidenciais na ex-República soviética. “Há uns anos, Kiev era considerada uma peça fundamental na arquitectura política europeia”, escreve o editorialista Alexandru Lazescu, afirmando que a vitória do candidato pró-russo, Viktor Ianukovitch, sobre a antiga musa do levantamento democrático de 2004, Iulia Timochenko, “consagra, oficialmente, a morte da Revolução Laranja e o regresso do país à esfera de influência de Moscovo. O Presidente cessante, Viktor Iuchtchenko, e o seu antigo primeiro-ministro fizeram tudo para destruírem o capital de confiança que tinham conquistado na Europa”. E eis por que “o resultado das eleições foi conhecido de antemão e por que é que os media ocidentais falaram tão pouco sobre o assunto”. Neste momento, a UE pode apenas constatar “a nova equação estratégica que se desenha no Sudeste europeu”, e definir uma nova abordagem da la politique de voisinage.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!