“Dez para uma vaga de emprego bem paga na UE”

Publicado em 23 Julho 2013 às 09:28

Cover

A Universidade pública de medicina e de farmácia de Bucareste registou, este ano, um número particularmente grande de candidaturas, escreve o jornal România liberă: dez candidatos para cada vaga em estomatologia e cinco para cada vaga em medicina geral.
O diário escreve que

o grande entusiasmo pela medicina, a vontade de se submeterem a um exame tão difícil (…) pode parecer paradoxal se pensarmos no salário de um médico na Roménia [entre 300 a 400 euros por mês]. Mas as faculdades romenas preparam os seus licenciados para a UE – para o Reino Unido, a França e os países do Norte da Europa.
Desde a entrada do país na UE, em 2007, já emigraram 14 mil médicos especialistas, enquanto o Estado gasta €3,5 mil milhões por ano na sua formação, escreve o jornal.

Newsletter em português

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico