Na tabuleta da cama: “Grécia”

Durante o seu duelo televisivo, a 1 de setembro, a chanceler cessante Angela Merkel e o seu rival, o social-democrata Peer Steinbrück, consagraram doze dos 90 minutos do debate à Grécia, segundo os cálculos do jornal I Kathimerini.

“Sem um pingo de remorso, Merkel insistiu na justeza do tratamento que ela e o seu ministro das Finanças Wofgang Schäuble impuseram à Grécia: austeridade, reformas estruturais e, talvez, um novo plano de resgate”. Quanto a Steinbrück, propôs “uma solução do tipo plano Marshall”, escreve o diário, para quem “o debate respondeu à sempre eterna questão de quem governa, exatamente” a Grécia.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico