"Partes do autocarro caíram para a estrada"

Publicado em 30 Julho 2013 às 09:05

Um autocarro que caiu por uma montanha abaixo e matou 38 pessoas perto de Avellino, no Sul da Itália, ficou fora de controlo e começou a cair aos bocados antes de chocar com uma barreira de segurança e passar-lhe por cima, despenhando-se, afirmam os investigadores.
O Govenro declarou um dia de luto nacional, a 30 de julho, em memória das vítimas, entre as quais havia crianças em idade escolar e seus familiares, que regressavam de uma viagem a Nápoles.
O inquérito às causas do acidente está em curso, embora La Stampa condene um “país sem manutenção [regulamentada]” e frise que o autocarro estava em serviço desde 1995. O diário acrescenta que é crucial perceber o que aconteceu “para distribuir as culpas de forma justa e evitar que acidentes deste tipo se repitam.”

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico