Luta contra o terrorismo

"Polónia condenada por tortura a terroristas"

Publicado em 25 Julho 2014 às 13:11

Cover

O Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (TEDH) obrigou a Polónia a pagar 230 mil euros de indemnização a Abu Zubaydah e Abd al-Rahim al-Nashiri, dois suspeitos de terrorismo atualmente detidos em Guantanamo Bay, por violar a Convenção Europeia sobre os Direitos do Homem, escreve em primeira página o Rzeczpospolita.
Ambos os homens faziam parte do programa de “entregas extraordinárias” da CIA (agência americana de informações da segurança) e, em dezembro de 2002, foram transferidos para um centro de detenção secreto no norte da Polónia, onde foram vítimas de “técnicas de interrogatório” avançadas ilegais, incluindo a simulação de execuções e o afogamento simulado. O TEDH acusou a “Polónia de cooperar na preparação e na execução das entregas da CIA”, mas também declarou a CIA responsável pelo uso da tortura.
Apesar das conclusões de vários relatórios internacionais, as autoridades polacas negaram sempre a existência de uma “prisão secreta” na Polónia. Leszek Miller, que exerceu a função de primeiro-ministro entre 2001 e 2005, qualificou a sentença de “imoral” e “injusta”, e apelou ao Governo atual que não pague a indemnização.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico