“2,6 mil milhões de euros: Alpine a maior falência da Segunda República”

Publicado em 20 Junho 2013 às 12:23

Cover

A Alpine, a segunda maior empresa de construção civil do país, filial do grupo espanhol FCC, apresentou o seu relatório e contas a 19 de junho e pede uma falência judicial. Vítima da crise e da difícil conjuntura na Europa oriental – a Alpine tem uma grande presença na Polónia e na Roménia – a sociedade acumulou um passivo de €2,56 mil milhões. Trata-se, lembra Der Standard, da maior falência da história no pós-guerra.

A maior parte do grupo, que conta 15 mil empregados, deverá ser fechada ou vendida. Apenas a parte austríaca deverá ser mantida, o que permitirá salvar 4600 empregos na Áustria.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico