Eleições na Suécia

“Mudança de poder”

Publicado em 15 Setembro 2014 às 08:37

Cover

O partido social democrata de Stefan Löfven venceu as eleições legislativas do dia 14 de setembro, com 31,2% dos votos e 113 lugares no Parlamento. Segundo o Svenska Dagbladet, Löfven deverá “dar brevemente início a um diálogo com os Verdes e os outros partidos de centro esquerda” para formar um novo Governo. Mas, com 43,7% dos votos e 158 dos 349 lugares, o bloco de centro esquerda está longe da maioria absoluta e Löfven poderá dirigir um Governo de minoria acrescenta o diário.
Por sua vez, o chefe da coligação de centro direita cessante, Fredrik Reinfeldt demitiu-se do cargo de primeiro-ministro após oito anos no poder e do cargo de líder dos Moderados, que obtiveram 23,2% dos votos (84 lugares), escreve o diário sueco. Os democratas da Suécia (populistas) obtiveram 12,9% dos votos. Com 49 lugares, “duplicaram a sua presença no Parlamento” e tornaram-se o terceiro partido do país, observa o Svenka Dagbladet.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico