Pagou-se resgate?

Publicado em 23 Agosto 2010 às 11:43

Cover

"O fim de um pesadelo: 267 dias", proclaima a primeira página do Público. Os dois cooperantes espanhóis, raptados na Mauritânia em novembro passado, foram libertados ao fim de quase 9 meses de cativeiro. "O mais longo sequestro levado a cabo no norte de África", pela Al Qaeda no Magrebe islâmico (AQMI), chega ao fim após a extradição para o Mali de um terrorista condenado na Mauritânia. Segundo o canal de notícias Al Arabiya, "o Governo espanhol terá pago entre 5 e 10 milhões de euros pela libertação dos reféns" como parte do acordo.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico