“Pobreza em forte subida na Holanda”

Publicado em 3 Dezembro 2013 às 10:45

Cover

A Holanda registou, em 2012, “a maior subida de pobreza desde a recessão que começou em 2008”, escreve De Volkskrant. Segundo o Gabinete Nacional de Estatística, 1,2 milhões de holandeses são considerados pobres (numa população de cerca de 17 milhões), ou seja, depois de deduzidos os seus encargos fixos, ficam sem dinheiro para roupa, equipamento, pagar os transportes públicos e atividades de lazer.

Este aumento deverá ser menos significativo em 2013 graças às “medidas fiscais e aos aumentos salariais que deverão beneficiar o poder de compra”, escreve De Volkskrant. Mas o diário acrescenta que

o número de crianças em situação de pobreza está especialmente a subir. Atinge uma em cada dez crianças. [...] Por outro lado, cada vez mais as pessoas são atingidas pela pobreza de longa duração: 381 mil pessoas são pobres há mais de três anos.

É uma organização jornalística, uma empresa, uma associação ou uma fundação? Consulte os nossos serviços editoriais e de tradução por medida.

Apoie o jornalismo europeu independente.

A democracia europeia precisa de meios de comunicação social independentes. O Voxeurop precisa de si. Junte-se à nossa comunidade!

Sobre o mesmo tópico